Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2010

Saber escrever!

“Saber escrever bem é transmitir idéias consistentes com a agilidade que os meios de hoje impõem. Saber escrever bem é ser um artista das palavras. E todos nós, empresas e profissionais, precisamos redescobrir urgentemente a eficiência dessa arte”. (Paulo Nathanel Pereira de Souza, presidente do Conselho da Administração do CIEE.)

Todo profissional precisa dedicar-se a escrever bem, seja para elaborar um e-mail, um planejamento, um relatório ou qualquer forma de expressão. Para os que querem seguir carreira em comunicação, especialmente na área de Relações Públicas, é imprescindível. Escrever sempre, ler muito, saber ouvir e traduzir pensamentos para o papel são ferramentas que colaboram para uma boa escrita e fluência no texto. Com a prática e o exercício diários, e procurando sempre estar atento à gramática, o texto produzido terá melhoras significativas. Desde a chegada da Internet, a sociedade vive os efeitos do comodismo e das abreviações de palavras. Muitos se habituaram a um…

O ser que há: Mulheres!

Outro dia, a Adriane Galisteu deu uma entrevista dizendo que os homens não querem namorar as mulheres que são símbolos sexuais. É isto mesmo. Quem ousa namorar a Feiticeira ou a Tiazinha? As mulheres não são mais para amar; nem para casar. São para "ver". Que nos prometem elas, com suas formas perfeitas por anabolizantes e silicones? Prometem-nos um prazer impossível, um orgasmo metafísico, para o qual os homens não estão preparados... As mulheres dançam frenéticas na TV, com bundas cada vez mais malhadas, com seios imensos, girando em cima de garrafas, enquanto os pênis-espectadores se sentem apavorados e murchos diante de tanta gostosura. Os machos estão com medo das "mulheres-liquidificador". O modelo da mulher de hoje, que nossas filhas ou irmãs almejam ser (meu Deus!), é a prostituta transcendental, a mulher-robô, a "Valentina", a "Barbarela", a máquina-de-prazer sem alma, turbinas de amor com um hiperatômico tesão. Que parceiros estão send…

O dia de hoje.

Hoje estou com uma raiva que não é de mim. Fornecedor é uma raça horrível, você pede para entregar um material em um determinado horário e fazem totalmente o contrário atrasando todo nosso lado e entrega errado, conseqüentemente você também entrega para o cliente atrasado. Começam as conversas pelo Messenger, e a frase que mais me irrita tanto no Messenger como pessoalmente é: “Você quem sabe”. Essa é uma frase cretina, dando a impressão que você não quer fazer ou não quer o que está sendo conversado. O telefone toca e a moça do telemarketing faz várias perguntas em uma voz molenga de dar sono ou no meu caso que não deixo terminar e termino a frase por ela, isso depois dela ligar na Empresa pela quarta vez no mesmo dia e pela manhã, não havia chego tarde ainda. Você pede para fazerem uma coisa, fazem totalmente o contrário do que foi pedido e sempre a culpa é sua. Porque você não fez? Conto a até dez para responder uma conversa no Messenger, respiro fundo. Continuo escrevendo porque …

Protesto Ambiental

Imagem
Não me interesse o quanto de dinheiro está envolvido na construção da Hidrelétrica de Belo Monte e que por sinal se esse dinheiro vai beneficiar alguém com certeza vai ser os “peixes grandes”, mercenários, sanguessugas. Diz-me uma coisa? Pra onde vão as 20 mil pessoas que vivem lá que fazem parte de etnias indígenas? Tirar eles do habitat deles porque o Senhor Presidente vai fazer uma obra maravilhosa a segunda maior do pacote do governo. É lógico que a construção dessa hidrelétrica vai gerar empregos diretos e indiretos, com isso destruição da fauna e da floresta local e provavelmente pessoas se mudariam para lá e com isso construções de casas e mais destruição da fauna. Indígenas perdendo a identidade porque alguém que não vive na região do Xingu acha que essa construção será boa para os brasileiros, para quais brasileiros? Ah sim, segundo presidente da estatal Empresa de Pesquisa Energética, Mauricio Tolmasquim ajudará a suprir a demanda por energia do Brasil nos próximos anos, …

Aqueles desejos

Meu corpo está cansado. Não é preguiça, apenas uma vontade de ficar deitado por mais algumas horas. Podem ser as noites frias dos últimos dias. Não é desânimo, tenho vontade de fazer mil coisas, principalmente àquelas que não consigo realizar com muita freqüência. Quero me cansar de ouvir canções que um dia me emocionaram, mas sequer sei o nome. Entrar na matinê do cinema e só sair depois de assistir a dois ou três filmes sem culpa. Comer pipoca com manteiga derretida, tomar Coca-Cola. Esquecer um pouco das minhas responsabilidades: conversar sem ter hora para ir dormir ou acordar no meio da madrugada e perceber que adormeci no sofá da sala. E caso perca o horário, não haja cobranças desnecessárias. Reunir a turma de amigos, os mais especiais, em plena terça-feira para jogar baralho, comer pizza e não falar em assunto de trabalho. Passar um dia todo de pijamas e meias sem lembrar-se das últimas tendências de moda. Tomar banho quente, e se possível fosse, ficar debaixo d’água até que t…

Pessoas de cimento tristes

Imagem
Camufladas no meio da cena urbana, essas pessoas de cimento tristes nunca ganham a atenção que merecem. Vivendo junto com gigantes, eles vivem uma vida vazia. Da próxima vez que você for a alguma cidade da Europa, mantenha o olhar baixo para ver se você não encontra algum deles está escondido no lixo. Acene para eles, sorria, pequenos gestos podem significar mais do que você imagina. O projeto chamado Cement Eclipses foi concebido por Isaac Cordal. Cordal coloca suas esculturas em cenas urbanas e fotografa suas pessoinhas escondidas nas calçadas, ruas e muros. (Fonte: Blog Muitolegal - sua overdose diária de inspiração)

A ausência

Nesse final de semana percebi que existem pessoas que precisam da ausência para querer a presença, eu sou uma delas. O ser humano não é absoluto. Com ausência a gente percebe o quanto as pessoas são essências. E digo mais, elas titubeiam, tem dúvidas e medos, mas se a pessoa realmente gostar, ela volta. Nada de drama. Que graça tem alguém do seu lado sob pressão? O legal é alguém que está com você, só por você. E vice versa. Não fique com alguém por pena, por medo da solidão ou medo da ausência, pois tem gente que pula de um romance para o outro. Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia? Cada um preciso de um tempo seu, fazer algo sozinho. Se você está acompanhado faço algo sozinho juntos. Nascemos sós. Morremos sós. Nosso pensamento é nosso, não é compartilhado. E quando você acorda, a primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu pensamento. E vou além, gostar dói! Muitas vezes você vai sentir raiva, ciúmes, ódio, frustração, mas isso faz parte. Você convive com out…

Little Box

"Little Boxes" é uma canção escrita por Malvina Reynolds , em 1962, que satiriza o desenvolvimento dos subúrbios e que muitos consideram sua burguês conformista valores.A canção foi executada por um número de músicos, incluindo o womenfolk , Pete Seeger e Regina Spektor .Outros músicos têm organizado e traduzido a canção para atender seus estilos. As letras foram reimpressos com fotografias de "Little Box" casas em publicações ambientais.

O sentimento: Saudade

Ultimamente a saudade está me cercando de todos os lados.

Saudades é um sentimento tão preciso segundo Clarice Lispector, saudade é um pouco como fome. Só passa quando se come a presença. Mas às vezes a saudade é tão profunda que a presença é pouco: quer-se absorver a outra pessoa toda. Essa vontade de um ser o outro para uma unificação inteira é um dos sentimentos mais urgentes que se tem na vida.

Como explicar o que é saudades? Não existem palavras, é só sentindo para entender.

Estou sentindo fome das pessoas que estão longe, fome de pessoas que nunca mais vou ver, fome do morro do Ouro em Apiaí, fome do jazz de madrugada, fome das aulas que me tiravam do sério, fome das conversas na varanda olhando a parede, fome dos bailes no Coga, fome dos abraços trocas de energias, fome dos conselhos que nunca pratiquei, mas que gostava de ouvir, fome de te ouvir contando a 2ª Guerra Mundial, sendo que na verdade queria estar correndo na rua, fome da sua molecagem no sábado a tarde, fome do yak…

Na agenda Cultural Sorocaba

Imagem
Domingo na Praça
Apresentações com músicos locais.

É lógico que a melhor dupla não podia ficar de fora dessa, de quem será que estou falando?
Oras, nada mais e nada menos que 2FRIENDS os amigos que encantam!

Local: Parque Carlos Alberto de Souza - Campolim
ás 16 horas

Voz e violão com repertório eclético, Paula & Vini convidam a uma viagem musical de Beatles a Marisa Monte, de Djavan a Pink Floyd. Nesta apresentação estará acompanhado do percussionista Eduardo Palota.
Entrada Gratuita.

Venha Conferir!!!

Abraços nas meninas e Beijo nos meninos.

Na batida.

Ao meu professor Julio Haddad e aos trabalhadores que passam por esse divertido e diário episódio musical !!! Sou Boy (Kid Vinil) Acordo sete horas / Tomo ônibus lotado / Entro oito e meia / Eu chego sempre atrasado/ Sou boy, eu sou boy/ Sou boy, boy, sou boy... / Atento oito e meia / Eu tenho que bater cartão / Mal piso na firma / Tem serviço de montão / Eu sou boy, eu sou boy / Eu sou boy, boy / Eu sou boy... / Ando pela rua / Pago conta, pego fila / Vou tirar xerox / E batalho alguma fila / Sou boy, eu sou boy / Eu sou boy, boy / Eu sou boy... / Na hora do almoço / A minha fome é de leão / Abro a marmita / E o que vem, feijão!.../ Chega o fim do mês / Com toda aquela euforia / Todos ganham bem/ Eu aquela mixaria/ Sou boy, eu sou boy/ Eu sou boy, eu sou boy.../ E logo chega a tarde/ Estou com pressa/ De ir embora/ Meus pés estão doendo/ E meus calos tão prá fora/ Eu sou boy, eu sou boy/ Eu sou boy, boy/ Eu sou boy... Bate cinco e meia/ Acerto em filas infinitas/ Ônibu…

Música aos meus amigos.

Adele, cantando That's, I quit, I'm movin'on( Sam Cooke). Adele Laurie Blue Adkins (Enfield, 5 de Maio de 1988), conhecida profissionalmente como Adele, é uma cantora inglesa de soul e jazz. Ficou conhecida pela imprensa britânica como a "nova Amy Winehouse" Em 2008 foi premiada com o Brit Awards pela crítica. Em 2009 ganhou 2 Grammy (Artista Revelação e Melhor Performance Pop Feminina com a canção "Chasing Pavements"). Para os curiosos, o site da moça http://adele.tv/

Meu colírio alucinógeno

Imagem
É como digo, quer conhecer as pessoas? Então vá viajar com elas.

Alem de você viajar, você também viaja no sentido figurado da palavra, viaja observando as pessoas, seu comportamento, suas maluquices.
Maluquice maior é a minha, por observar as pessoas, pingo meu colírio alucinógeno e viajo observando suas maluquices diárias.
Fui viajar com amigos para Santiago nesse ultimo feriado, alguns amigos de anos, outros de meses, alguns de dias, mas todos amigos com sua peculiaridade.
A frase que mais me passou na cabeça enquanto eu observava é: Não me venha com sua demagogia barata! É lógico em alguns casos peculiares pertencentes a mim.
Como por exemplo, abraços, beijos, carinhos, cafuné em amigas, mas lógico é amiga irmãzinha. Nesse caso pode, é irmã. Enfim, só nesse caso que vinha essa simpática frase na cabeça.
Confesso que as pessoas me surpreendem, é gostoso demais observá-las, ou você gosta mais da pessoa ou começa a ter implicâncias com ela. Isso é extremamente engraçado e desafiador ao me…